Não precisa disso

Engraçado é quando você se mexe para escrever algo e se esbarra justamente o que tinha pensado, andando pela internet a fora ~like a chapeuzinho me deparei com o texto da Bruna Vieira do Blog Depois dos quinze no  post com o título de ” Quando o diferente incomoda” que você pode ver por aqui.

Em síntese a Bruna colocou em todas as palavras as vezes meu incomodo vs inércia quando se trata de ódio alheio, as pessoas estão gastando muito tempo odiando o que os outros tem ou são. E até mesmo inconscientemente a gente alimenta esse sentimento quando nos vem o pensamento porque ela pode/tem/é e eu não? 

Primeira reflexão : Eu sempre culpava e as vezes ainda culpo,não vou mentir, tudo a minha volta para eu não ter o que quero.É mais fácil eu sei, dizer que a tal menina teve tudo que quis na vida por isso que o blog dela tem milhões de acesso e o meu não. A síndrome do “Se”, Se eu tivesse isso, se eu tivesse aquilo. Deixe me te contar se você tivesse você ia arrumar outra desculpa para não ir atrás daquilo que você quer, é assim, tenho aprendido isso, tenho tentado dar menos desculpas a cada coisa que não faço, ah mas eu não faço isso porque não tenho dinheiro, mentira deslavada. Não caia nessa, como já dizia uma música ” Mentir para si mesmo é sempre a pior mentira”. Você pode até continuar dando essas desculpas mas não vai mudar nada na sua vida, tente mudar sua maneira de pensar e agir porque daí sim as coisas começam a mudar, vi isso na minha vida que quando comecei a parar de dar desculpas para as coisas não acontecerem, elas realmente se realizaram, mas não foi parada criticando quem já tinha/era que consegui isso.

Segunda reflexão: Porque você acha que quer realmente o que a outra pessoa tem/é? Você tem certeza disso, você não acha que minimamente você não queria simplesmente ser aceita do jeito que você é? OU pelo que tem? Não seria bem mais fácil se simplesmente isso acontecesse? Você realmente precisa do que a outra pessoa tem? O que a pessoa(s) mostram na internet é a realidade dela, ela pode comprar coisas caras e ela não tem culpa disso como você também não tem por não poder comprar, você pode procurar até mesmo blogs que mostram coisas caras mas também coisas baratas, eu mesma já vi muito post ajudando quem não tem tanta grana para gastar. E muitas vezes vejo que não tem necessidade de ter aquilo, é só ódio gratuito.Essa atitude para mim de criticar o que o outro tem/é é alimentar o ódio por você mesmo.É fraco e não ajuda em nada. Se igualar com tudo do outro não te faz ser mais admirada, vai por mim, não dá certo, acredite as pessoas gostam de você do jeito que você é e apesar disso. Pare de se comportar feio um babaca, tá feio. 

Brincadeiras a parte, o que eu queria dizer é que eu não preciso desse texto, ele é para todo mundo além de mim certo? Não! errado, esse texto é para mim também. A internet tá aí para todos nós usarmos, temos liberdade de postar o que quisermos, mas tome cuidado com se alimenta algo que não vai servir para ninguém. Seja  a pessoa que distribua amor pela internet e não cultive o ódio ele não serve para nada principalmente ele não serve para você.

Espero que tenha ajudado de alguma forma e que sirva para todas/todos nós no dia a dia e ser diferente por incrível que pareça é legal!

Anúncios

Obrigada pelo comentário ♥

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s